Galeria de artistas visuais do interior Paulista

R.F. BONGARTEN

RELEASE DO ARTISTA:

 

O Artista R. F. Bongarten

 

É Artista plástico, artista digital e escritor dadaísta, De Assis/SP – Brasil.

Iniciou sua carreira em 2009. De lá para cá, tem construído bases solidas do dadaísmo em seus textos e criações.

Recentemente lançou seu livro " Brainstorming de Textos Psicodélicos" – pela Editora Autografia, são textos irreverentes e nonsense misturados com crítica aos padrões artísticos.

Trata em poucas palavras de criar desordem ao formato natural da escrita de poemas e poesias juntamente com uma crítica a obras abstratas que as vezes lindamente pífias são milionárias ao mesmo tempo incompreendidas.

O contraponto nisso é o artista olhar essas obras e extraio em palavras o que ele vê, misturando o Dadaísmo a um leve cotidiano sai os textos chamados "Pensares - Pensamentos nos Ares" ou uma chuva de ideias malucas.

Ou seja, Dadaísmo puro.

E na arte como forma de observar o mundo ele tenta deturpar a simetria, o ser humano quer padrões em tudo, até iniciando com um certo padrão e depois tira fora do centro propositalmente tentando não ser 100% simétrico e isso pode incomodar, mas realmente é este o sentido, já que obras abstratas algumas impactam tanto que valem milhões.

Em segundo plano a tantos recursos de pintura e o artista resolveu apenas utilizar a arte digital para questionar.

Arte digital vale menos que a arte em tela?

A sensibilidade na tela é melhor que a arte digital?

Ele diz que não!

Mesmo você fazendo arte de maneira simples, propositalmente. Se você não utilizar nenhum filtro, nenhum efeito e somente fazer traços da alma. A sua alma fala também na tela do computador sim.

Isso se tratando de a arte digital sem filtros e efeitos comparativamente com a arte pintada.

E por isso o artista utiliza basicamente 3 formas para criar arte digital: Triângulo, quadrado e círculo, são formas padrões na natureza que juntas e entrelaçadas podem ou não criar formas desordenadas combinado com muito trabalho. Assim crio composições abstratas.

E por fim o artista dadaísta percebe-se no brasil como um dos precursores da Arte postal dadaísta, além de que no mundo o Dadaísmo e Futurismo foram os precursores da arte postal. nada mais do que valido transformar todas as suas artes em cartão postal.

Ele já possui 110 cartões postais artísticos dadaístas exclusivos com identidade artística própria.

O artista pretendo alcançar o status de maior confeccionador de cartões postais e arte nonsense dadaísta do mundo. Quer alcançar a marca de 1000 Cartões e obras deste estilo.

Em sua obra literária já está previsto 6 livros da coleção Risada Escrota, exclusivamente nonsense e dadaísta.

O artista possui outros dois projetos, um chamasse fábrica de Sonhos com previsão para uma coleção de 10 livros e Poemas divinos com previsão para uma coleção com 8 livros, ambos têm o caráter normalista poético.

WhatsApp Image 2020-12-01 at 13.13.06.jp

galeria