Galeria de artistas visuais do interior Paulista

Felina

Felina Regina é o meu nome artístico e assim gosto de ser chamada. Meu nome de batismo é Célia Regina, sou natural de Sertaneja/PR. Vivi muitos anos na Capital Paulista onde comecei a me dedicar ao mundo das artes. 

Atualmente vivo na cidade de Assis/SP e aqui continuo a explorar meus desejos artísticos. 

Sou poetisa, artesã, escritora, palestrante, artista circense, dançarina e militante da luta antimanicomial, tenho quatro livros escritos de forma independente, são "Momentos de Lucidez: Um Olhar para Fora de Mim" (2009), "Pequenas Histórias Grandes Emoções" (2010), "Uma Mente com Dois Lados Diferentes" (2012), "Trajetórias" (2015). O quinto já está no forno e logo será lançado.

Fui atuante da "Banda Loko na Boa" durante anos como cantora, backing vocal, compositora e performista. Esta é uma banda formada por pacientes do CAPS II de Assis/SP e por estagiários do curso de psicologia da UNESP. Essa banda já se apresentou em inúmeras cidades entre elas São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro, Buenos Aires, Bauru, Ribeirão Preto, Marília e Maringá. Sempre levando música e teatro.

Estive no cargo de Vice Presidente da Associação de Pacientes, Familiares e Amigos da Saúde Mental de Assis (Pirassis), hoje respondo pela Tesouraria.

Ainda sou fundadora do espetáculo "Saindo das Cortinas", que é um evento que ocorre aos finais de ano e levamos para o palco do Teatro Municipal várias formas de arte, como poesia, artesanato, música, dança e teatro. Tudo produzido pelos pacientes do CAPS, que muitas vezes são invisíveis aos olhos da sociedade que não consegue aceitar as diferenças.

Também estou no cargo de Vice Presidente da Associação de Moradores do Park Colinas, onde busco trazer arte e saúde para o bairro.

Além disso sou membro ativo do "Instituto do Negro (Zimbauê)" e em 2019 recebi o diploma de honra e mérito Zumbi dos Palmares em seção solene da Câmara Municipal de Assis. Já fui agraciada com duas moções de aplausos da Câmara Municipal de Vereadores pelos serviços à comunidade.

Realizei palestras e exposições de minhas telas nas Bibliotecas Municipais de Paraguaçu Paulista, Marília e Maracaí.

Na cidade de Maracaí participei ativamente da antiga Rádio Comunitária "Karisma FM" no programa Comunidade em Ação.

Sempre gostei de fazer trabalhos voluntários em Hospitais, Asilos e Creches.

Há três anos descobri a dança do Carimbó que é um ritmo quente, cultural do norte do Brasil, me apaixonei e comecei a pesquisar sobre e a dançar também.

Realizo meus ensaio no CEL do Park Colinas, aberto para quem quiser participar e conhecer esse ritmo pouco explorado no Oeste Paulista.

Neste ano participei do "Vozes da Cultura" levando para o palco a dança do Carimbó, minha poesia e teatro.

Eis o meu lema: "é melhor ser um louco na boa do que um normal asfixiado".

Abraços Fraternos.

Felina.jpeg

Contato

galeria